close
Notícias

Emplacamento de implementos rodoviários cai 20,51% no 1º semestre

A indústria de implementos rodoviários emplacou 25.312 veículos nos seis primeiros meses deste ano, volume 20,51% menor que o verificado no mesmo intervalo de 2016, de acordo com dados da Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (Anfir).

Os emplacamentos no setor Pesado (Reboques e Semirreboques) registrou de janeiro a junho de 2017 recuo de 14,45%. No total foram entregues ao mercado 10.802 unidades ante 12.626 produtos no mesmo período de 2016. Cinco segmentos apresentaram variação positiva: Baú Carga Geral, Transporte de Toras, Baú Frigorífico, Baú Lonado e Tanque Carbono.

No mercado de Leves (Carroceria sobre Chassis) a queda nos emplacamentos foi de 24,50%. No primeiro semestre de 2017 foram emplacados 14.510 produtos contra 19.219 em igual período do ano passado.

“Mesmo com resultado ainda negativo já se observa uma certa melhora porque a queda com relação a 2016 está diminuindo”, destaca em nota Mário Rinaldi, diretor Executivo da ANFIR. “A realização da Fenatran, em São Paulo em outubro, será um suporte importante para ajudar as vendas da indústria em um momento de possível recuperação de mercado”, conclui Rinaldi.

Financiamento

Para o presidente da associação, Alcides Braga, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) deve ter um papel mais ativo no momento atual de retomada da economia. “O PIB influencia os negócios e precisamos de uma política que envolva o BNDES para que os indicadores possam voltar ao nível de 2013”, afirma. Ele explica que o desempenho da indústria de implementos rodoviários é diretamente ligado ao crescimento ou não dos negócios nos demais setores da economia brasileira.

Fonte: Estadão Conteúdo – 10/07/2017

Leave a Response